« DVDFab Passkey, o «rebenta» protecções contra cópias (DVD e Blu-ray) 6 meses de protecção gratuita para o seu MAC »
20/03/2010
Escrito por em Dicas | 5.539 Leituras

Quem trabalha com o Ubuntu numa base diária sabe que, se efectuar uma nova instalação do Windows XP, Vista ou 7 o Grub, gestor de Boots no arranque do PC, simplesmente desaparece. Esta dica visa mostrar aos utilizadores do Ubuntu como poderão restaurar o mesmo e voltar a ter as opções de escolha do sistema operativo após a instalação Windows.

Assim, através do vários passos mostrados abaixo, verá que é simples voltar a repor o menu, sem necessidade de ter de instalar de novo o Ubuntu. A dica só funciona nas versões 9.10 e 10.04:

  • Em primeiro lugar, necessitamos arrancar através do Live CD ou do Live USB:
  • Depois, há que abrir o modo terminal e digitar: $ sudo fdisk -l
  • Em todo o processo, é importante saber qual a partição foi instalado o Ubuntu. Neste caso usaremos: $ /dev/sda1
  • Agora, temos de montar o sistema de ficheiros em /mnt, com o comando: $ sudo mount /dev/sda1 /mnt
  • Não esquecer de montar as restantes partições: $ sudo mount –bind /dev /mnt/dev
  • Como temos de editar o ficheiro do Grub, temos de aceder à raiz, neste caso com o CHROOT: $ sudo chroot /mnt
  • Uma vez acedida a raiz, há que editar o ficheiro do Grub: $ gedit /etc/default/grub
  • No caso da edição do ficheiro do Grub, as configuração são subjectivas, ou seja, os parâmetros a serem usados ficam ao critério de cada utilizador, dependendo do número de partições envolvidas e sistemas operativos instalados no PC
  • No final, resta-nos criar um ficheiro de configuração novo, através do comando: $ update-grub
  • E por fim, só temos de instalar o Grub 2 na MBR, isto é, na zona de leitura que permite o menu de boot do Grub, com o comando: $ grub-install /dev/sda

E pronto, a partir de agora voltamos a ter o arranque do PC com a opção para vários sistemas operativos, entre eles o Ubuntu.

Este artigo foi escrito por em 20 Mar, 2010, e está arquivado em Dicas, GNU/Linux. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
3 comentários em “Mantenha o seu o boot Ubuntu mesmo após a instalação do Windows”
  1. voces são videntes… tava mesmo a precisar disto!

  2. gostaria de saber se após esses passos eu terei de volta o GRUB, normal como era antes de instalar o XP ou terei essa tela de escolha do windows, assim como na foto que ilustra o post.

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: