« Proteger com qualidade passwords, ficheiros e emails? Temos solução… DNS – Aprenda a Configurar no Windows 7 + Lista de DNS’s públicos »
05/10/2010
Escrito por em Mac | 3.279 Leituras

A 29 de Outubro de 1971, há cerca de 41 anos atrás, Leonard Kleinrock, da Univ. da Califórnia, fez história ao enviar a primeira mensagem de correio electrónico de sempre (continha apenas “LO”, já que o sistema se desligou a meio da transmissão). Desde aí e até hoje, milhares de milhões de emails terão sido enviados. O email afirmou-se como uma das mais eficazes, simples e mais utilizadas formas de comunicação dos últimos anos e pouco tem abalado a sua incontestável liderança. Talvez apenas o Twitter e o microblogging tenham, nos últimos tempos, portabilizado e simplificado as comunicações. É da junção estes dois conceitos de email e  microblogging que nasce o Sparrow, um novo cliente de email para Mac OS X.

O Sparrow é uma aplicação de email bastante recente, sendo que actualmente funciona apenas com o GMail, e que se distingue bastante pela sua interface inspirada, em que é possível observar claros traços da aplicação para Twitter Tweetie, do aplicação de email do iPad e da interface para iOS do GMail.

A aplicação faz uma aproximação inicial bastante minimalista ao email, mas acaba por reunir a grande maioria das funcionalidades que um utilizador regular requer de um cliente de email.

Por exemplo, a gestão de várias contas. Adicionar uma nova conta de email é simplicíssimo, e evita bastantes dos problemas relacionados com servidores SMTP, IMAP, certificados que a grande maioria dos clientes de email tem. Basta nome da conta, email, password, e tanto a imagem da conta como a assinatura são configuráveis nas preferências:

O Sparrow em si é também bastante simples. Somos presenteados com uma única janela com a lista dos nosso emails mais recentes, uma barra de ferramentas onde podemos efectuar algumas acções básicas de gestão de email, como criar uma nova mensagem, arquivar, apagar ou responder ao email seleccionado, e ainda uma barra de pesquisa (pesquisa essa, que diga-se, é bastante rápida e intuitiva, já que contém alguns filtros bastante úteis).

Também existe a habitual barra lateral, com acesso às mensagens enviadas, favoritos, rascunhos e lixo. Até aqui tudo bem. Mas é na visualização de mensagens que o Sparrow se distingue. Quem já trabalhou/viu a aplicação Mail do iPad irá gostar bastante do Sparrow. Para abrir um email, podemos simplesmente efectuar um clique-duplo e este abrirá numa nova janela. Ou podemos activar, através do ícone no canto esquerdo da aplicação, o painel lateral do Sparrow:

Uma excelente adição, prático, lógico e bastante intuitivo. Por exemplo, opções para responder, reencaminhar, ver mais informações acerca do email aparecem apenas quando o cursor passa sobre a zona onde estas se encontram, o que torna o Sparrow muito mais “limpo” e focado naquilo que realmente interessa, o conteúdo ;-)

Uma nota também para a integração com o Growl e a dock (para notificações) e também para a composição de email no Sparrow, que beneficia de integração directa com a nossa lista de contactos do GMail (contudo não tem integração com o Livro de Endereços do OS X). Composição de email essa que, por alguma razão que ainda não consegui identificar, me parece surpreendentemente descomplicada:

O Sparrow é uma aplicação que se destaca pela sua aproximação de simplicidade ao email, e que, depois de usar a aplicação por umas horas, sou obrigado a afirmar que tem a sua lógica e que pode realmente funcionar. É um programa “jovem”, pelo que faltam algumas funcionalidades tais como suporte a etiquetas do GMail, ou suporte a outros provedores de email. Essas são algumas das prioridades dos criadores da aplicação e deveremos certamente vê-las numa próxima versão. A aplicação encontra-se actualmente numa fase de public beta e é totalmente grátis.

Homepage: Sparrow Mail App

Este artigo foi escrito por em 05 Out, 2010, e está arquivado em Mac, Software. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
4 comentários em “Sparrow: o email, simplificado”
  1. Tiago costa diz:

    Existe alguma ferramenta do genero para windows?

  2. Tiago Costa diz:

    Agradeço o trabalho que tiveste contudo a solução não é funcional.
    Lá vou ter de continuar com o thunderbird :)

    Ps: Own:
    -MacbookPro
    -Pc normalissimo para w7
    -Cobaia para ubuntu server
    :)

  3. O Sparrow é ótimo, mas não funciona detrás de um firewall.

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: