« Skype pondera possibilidade de incluir publicidade de futuro Saiba como recuperar as passwords dos serviços Google »
11/05/2010
Escrito por em Mundo | 1.642 Leituras

Nenhum sistema é infalível, e prova disso é o facto de ter vindo a lume e estar confirmado um grave bug no Safari, que permite a execução de código malicioso.

A falha foi descoberta pela holandesa Secunia, tendo sido mais tarde confirmado pelo CERT, na forma como o browser lida com abertura de novas janelas. Basta que um utilizador feche uma janela pop-up de páginas HTML ou e-mail mal-intencionado para abrir a porta e instalar e executar malware. O bug pode ser encontrado via Safari 4.0.5 no Windows 7, mas também é possível que isso aconteça noutras versões do Mac.

De momento ainda não há qualquer declaração ou correcção por parte da Apple pelo que se recomenda alguma precaução no uso do explorador de internet, em especial, ser cuidadoso ao abrir mensagens via webmail e desactivar o JavaScript, exceto para sites que estejam devidamente acreditados.

E mais nada há a fazer senão esperar pela solução de correcção, o que deverá acontecer nos próximos dias.

Este artigo foi escrito por em 11 Mai, 2010, e está arquivado em Mundo, Notícias, Programas. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
2 comentários em “Falha crítica no Safari permite correr código malicioso”
  1. ha_poizé diz:

    Toca a todos… ainda bem que os descobrem! Escusavam era de os publicitar, para não incentivar os mal-intencionados…

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: