« Descobrir o reino das verdadeiras capacidades do seu GPU Conheça o Cão de Guarda virtual que pode ajudar na caça às ameaças »
01/06/2010
Escrito por em Mundo | 4.239 Leituras

A notícia circula por várias fontes de sites e blogs da Internet, onde aparentemente alguns funcionários do Google revelaram que a multinacional pretende proibir o uso do Windows nos computadores dos seus escritórios, o que significa que tanto o Mac OS como Linux irão ganhar ainda mais destaque naquela que é uma das maiores empresas do mundo.

Segundo apurei, apenas poderão utilizar o sistema operativo Windows aqueles trabalhadores que obtenham uma autorização especial do CIO (Chief Information Officer, CIO). E que, ao que parece, esta medida aparece devido a graves problemas de segurança que têm surgido nos últimos meses, principalmente no caso das invasões chinesas.

No entanto, na minha opinião, esta tomada de posição é um pouco estranha, já que, se tivermos em conta que em breve será lançado com pompa e circunstância o Chrome OS, teria todo o sentido abandonar o Windows para adoptar o próprio sistema operativo, mas nestas coisas, os comportamentos devem ser sempre diplomáticos, e neste caso o mais prático é atirar as culpas para outro lado, podendo assim disfarçar.

Por outro lado, se o Chrome OS acaba por ter o sucesso que todos esperam, não acredito que tarde muito até começarmos a ver hackers a atacá-lo «forte e feio» e encontrar problemas de segurança…depois é que as desculpas serão mais complicadas.

Este artigo foi escrito por em 01 Jun, 2010, e está arquivado em Mundo, Notícias, Websites. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
3 comentários em “Windows nos escritórios do Google? Nem pensar!!!”
  1. Se a Microsoft não usa os sistemas de busca do Google, pois possui o seu Bing, não usa o Picasa pois possui o Windows Live Photo Galery entre outros serviços do Google, porque o Google tem que usar os produtos da Microsoft e encher o Tio Bill e o Ballmer de Din Din, se o Google apoia o Linux que e de graça e é mais seguro e ainda vai lançar o seu próprio sistema. Nada mais justo que para de usar ou diminuir drasticamente o uso do Windows.

  2. cereal86 diz:

    apoiado!

  3. Duvido que seja uma medida para adoptar o uso do seu proprio SO.

    O ChromeOS não é um sistema que vá competir directamente com o Windows XP/7 por exemplo, e muito menos com as versões Server! O ChromeOS é um simples sistema operativo que nos permite fazer o básico dos básicos…

    Esta medida também não me espanta, mas acredito mais que seja para adoptar outros sistemas Linux e até mesmo Mac! Veremos…

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: