« Recupere ficheiros apagados com o Data Recovery Wizard Converta os seus CDs de música no formato que desejar »

5 de Novembro de 2007. Formava-se a Open Alliance Handset e era anunciado o novo sistema operativo móvel, de nome Android. 28 de Agosto, 2008. Anunciado o Android Market, como plataforma por excelência de distribuição de aplicações Android. 23 de Setembro, 2008. Apresentado, nos EUA, o T-Mobile G1, primeiro telemóvel com Android. 6 de Julho, 2009. A TMN inicia a comercialização do HTC Magic, o 1º telemóvel Android em Portugal. Julho 2009-29 de Outubro, 2010 Crescimento massivo do Android, da comunidade, do nº de aplicações e do nº de modelos. Em alguns casos, supera o iPhone nos EUA. 30 de Setembro, 2010. Passar a ser possível comprar aplicações pagas do Android Market em Portugal e em 17 outros países a nível mundial. Finalmente.

Apesar de já existirem algumas aplicações que permitiam enganar o Market e permitir a compra de aplicações, nada disso se compara ao suporte oficial da funcionalidade. A Google anunciou na última sexta-feira que, durante as próximas duas semanas, o suporte a compra de aplicações será disponibilizado em mais 18 países, para além dos apenas 14 onde até agora isso era possível, totalizando 32 países.. Utilizadores de Android na Argentina, Bélgica, Brasil, Dinamarca, Finlândia, Hong Kong, Índia, Irlanda, Israel, México, Noruega, Polónia, Portugal, Rússia, República Checa, Singapura, Suécia e Taiwan poderão aceder a novas aplicações pagas, o que não só beneficia os utilizadores, que poderão aceder a aplicações de supostamente melhor qualidade, como também benefecia os programadores e as empresas de software, já que esta globalização do Android Market abre todo um rol de novas oportunidades de negócio e lucro.

E também os programadores não foram esquecidos pela Google. Também a partir da última sexta-feira, programadores de mais 20 países poderão agora vender aplicações, totalizando agora 29 países que podem lucrar com o Android Market e as suas aplicações. São esses países Argentina, Austrália, Bélgica, Brasil, Canadá, Dinamarca, Finlândia, Hong Kong, Irlanda, Israel, México, Nova Zelândia, Noruega, Portugal, Rússia, Singapura, Coreia do Sul, Suécia, Switzerland and Taiwan. A Google disponibiliza, no anúncio oficial, instruções para os developers que desejem ver as suas aplicações à venda em todos os países suportados pelo Android Market.

A empresa promete ainda expandir ainda mais o suporte geográfico do Market nos próximos meses, bastando-nos apenas, e passo a citar: Stay tuned.

Ficam no entanto as perguntas: será que toda esta nova panóplia de países incentivará as empresas a apostarem no desenvolvimento Android e levará a que o ecossistema de aplicações do sistema consiga competir com o do iOS? E, você, utilizador Android português, é agora que compra aquela aplicação paga que sempre quis?


Este artigo foi escrito por em 03 Out, 2010, e está arquivado em Notícias, Telemóveis. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
1 comentário em “Finalmente, passa a ser possível esbanjar euros no Android Market português”
  1. Finalmente!

    Para quem tem Android: eu sei que isto não anda fácil para quem tem poucos € para gastar, mas lembrem-se que a maioria das aplicações custam pouco mais de €1. Quando uma aplicação tem qualidade e nos é útil, não nos fica nada mal gastar uma centena de cêntimos, promovendo assim o seu desenvolvimento. Além disso, uma aplicação paga tem direito a todas as suas actualizações! É software barato.

    Quanto é que pagam por uma caixa de pastilhas? E as pastilhas deitam-se fora! ^^

    Boas compras

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: