« YouTube HD Transfer, descarregue os vídeos do Youtube em HD SecurityKISS Tunnel, para navegar com o máximo de anonimato e segurança »
10/12/2010
Escrito por em Destaques | 5.493 Leituras

A LG tocou recentemente na ira dos compradores dos seus smartphones LG Optimus/Maximus One ao inferir acerca da impossibilidade do upgrade da versão 2.2 (Froyo) do Android para a versão 2.3 (Gingerbread) devido ao “fraco” processador de 600MHz que o acompanha, impossibilitar a implementação do Gingerbread. Contudo, a história já reza de forma diferente. A versão 2.3 é uma possibilidade e a LG pede desculpa.

Nos últimos dias têm vindo às noticias a recusa da LG em fazer o upgrade da versão 2.2 para a versão 2.3 de dispositivos como o Optimus Optimus One (vendido em Portugal como LG Maximus one). As razões levantadas por esta é a de que o processador de 60MHz não cumpria os requisitos mínimos para a implementação desta nova versão do Android, referindo que seria necessário processadores de 1 GHz. Devido ao facto da Google nunca ter relatado qualquer tipo de requisito mínimo para a velocidade do processador, as vozes de discordância vieram ao de cima. Do outro lado da barricada encontrava-se a Motorola que referia que iria alterar o seu Motorola Droid/Milestone para a versão Gingerbread devido a não haver requisito mínimo para o processador de um dispositivo móvel correr o Gingerbread.

Foi necessário um engenheiro do Android “twittar” acerca da confusão gerada. O engenheiro refere-se que um smartphone a correr adequadamente a versão 2.2 (Froyo) irá correr ainda melhor no Gingerbread. Assim, o Optimus Maximus continua blindado quanto a ficar desactualizado.

Na nota da imprensa da LG pode-se ler o seguinte (traduzido, pode verificar o original aqui):

“A LG vai proceder ao upgrade de todos os smartphones Optimus One que estejam correntemente a usar a versão Froyo do Android para a próxima versão GingerBread. Os detalhes do upgrade e o calendário respeitante será posteriormente divulgado e anunciado localmente. Nós pedimos as mais sinceras desculpas e más interpretações que foram causadas no que respeita a este assunto”

Será que esta notícia é mais uma desculpa para este smartphone ser a prenda no sapatinho este ano? De qualquer das maneiras a LG refere que os avisos são efectuados localmente, o que pressupõe que alguns países saíra beneficiados com uma maior brevidade que outros, não tendo sido nada adiantado até agora para Portugal.

Opiniões, posições e oposições –> comments section!!



Este artigo foi escrito por em 10 Dez, 2010, e está arquivado em Destaques, Notícias, Telemóveis. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
1 comentário em “LG Optimus/Maximus One – Gingerbread (finally) is Good”
Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: