« LiberKey, o canivete suíço das aplicações! WinParrot, diga adeus às tarefas aborrecidas e rotineiras »
15/12/2010
Escrito por em Mundo | 1.129 Leituras

A palavra «crise» anda nas bocas do mundo e será hoje em dia, certamente, a palavra mais utilizada. E como toca tudo e todos, o ciberespaço não é excepção e desta vez a noticia refere-se ao Yahoo! Correm alguns rumores, com certa tendência verdadeira, que o gigante da Internet pode estar prestes a apresentar um plano de ajustes de forma a reduzir o total de trabalhadores, mais concretamente, despedir cerca de 560 empregados, o que acaba por representar 4% do total de recursos humanos da empresa que rondam os 14.100. Ora estas medidas, como não podia deixar de ser, visam aumentar (ainda mais) os lucros da empresa…

Esta medida não é nenhuma surpresa pois os casos galopantes similares por todo o mundo em todos os sectores são alarmente, não fosse por exemplo disso mesmo o caso de Portugal com uma taxa de 11% de desemprego (e a crescer) ou mesmo «nuestros hermanos» com uma taxa record de 20%.

Dentro da empresa, com o anunciar destas medidas o ambiente não podia ser pior, ainda para mais quando se filtra alguma informação interna, não confirmada, que empregados de longa data terão sido abordados pelos seus superiores a perguntar se queriam sair voluntariamente, evitando assim a demissão forçada de alguém.

Oficialmente, não existe qualquer declaração que suporte este tipo de notícia, mas a julgar pelas actitudes dos últimos tempos é bem provável que se confirme esta panóplia de acções e muitas outras, sempre contra o triste trabalhador. Não é fácil para ninguém, pelo que acompanharemos o comportamento futuro.

Este artigo foi escrito por em 15 Dez, 2010, e está arquivado em Mundo, Notícias, Websites. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: