« Novo portal nacional reúne toda a informação estatística sobre as empresas EZMount: a forma mais fácil, segura e discreta de fixar um televisor na parede »
27/04/2011
Escrito por em Notícias | 5.419 Leituras

zon

Segundo o jornal Correio da Manhã, a operadora nacional de Triple Play (televisão, internet e telefone), a ZON, vai andar de olho aberto na pirataria de serviços e conteúdos de televisão paga.

A empresa revela que :

Estão a ser feitos desenvolvimentos tecnológicos para permitir uma monitorização da rede e do sinal mais eficiente na detecção desse tipo de situações

Na assembleia geral da Associação Europeia para a Protecção de Obras e Serviços Codificados, foi discutido este e outros assuntos ligados ao mercado paralelo de conteúdos televisivos.

A ZON ainda disse que:

O futuro do combate à pirataria audiovisual vai, certamente, passar por alterações legislativas de fundo. Se tal não acontecer, com o advento das novas tecnologias e sendo a internet um veículo de transmissão de informação extremamente veloz e com uma grande volatilidade, arriscamo-nos a que os níveis de pirataria escalem de uma forma sem precedentes.

Estima-se que, a nível nacional, o valor da pirataria de serviços de TV e de conteúdos seja de várias dezenas de milhões de euros.

 

 

Este artigo foi escrito por em 27 Abr, 2011, e está arquivado em Notícias, Segurança, Tecnologia. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
12 comentários em “ZON de olho aberto na Pirataria”
  1. isto é muito estranho porque a MEO já veio dizer sobre este assunto que desde que colocou as boxes digitais nunca mais teve problemas…

    de todas as formas, pergunto, não foi a ZON quem gastou 15 milhões de euros em mudar os sistemas de protecção aqui há uns anos?

    • realmente..

      o que faz isto é ter dinheiro a mais….:P

    • Se for só a pirataria de tv paga, td bm. Se começa a aplicar filtros para controlar os downloads dos clientes, é muito mal e considero que os clientes da Zon deve nesse caso mudar de operadora.

    • pois aqui é que esta o problema a tal caixa da meo iptv com windows, não me deixa copiar os programas que quero, teria que comprar o video gravador de dvds , para poder fazer as minhas gravações , eu acho este tipos de restrições ridículas, quem não se lembra de ver pessoas com colecções VHS de documentários gravados na tv , mas agora séra crime gravarmos as nossa series preferidas e ainda próxima pagamos todos meses a esses senhores , com evolução das tecnologias digitais, vamos passar a gravar a tv com câmaras de video ? , não seria mais fácil darem acesso as gravações que fazemos nas boxs, outra coisa a MEO fibra é uma treta a única coisa tem bom a internet de resto é simplesmente ridículo , então para vermos televisão digtal temos que ter uma box de iptv , tendo uma televisão compatível com as normas DVB-T & C , que são as normas utilizadas nas redes terrestres na Europa, se não querer a box são menos 5 euros , mas deixo de ter tv digital, e vou ver uma conversão mutante de digital para analógico atravez , na rede de fibra da meo simplesmente ridículo, a PT ainda diz que inovadora em que no engano, então se mercado vende-se tvs com receptores digitas, uma rede tão inovadora como eles dizem, porque que-se receber o sinal analógico através do televisor ? para receber em digital tem que se ter uma box de iptv ? isto é ridículo, este monopólios empata o comercio electrónico, para serve o comercio de DVR me portugal, se para gravarmos em digital não podemos se não através da rede analógica isto no caso da MEO .
      Acho que a ZON esta um pouco mais a frente que a Meo quando se trata de televisão
      http://www.broadbandtvnews.com/2009/09/12/nine-msos-for-dvb-c2-ibc09/
      quem quiser estar aparo das ultimas tecnologias digitais em televisão siga este syte http://www.dvb.org/

  2. Ricardo Santos diz:

    Se calhar se se dignassem a baixar os preços dos canais do tipo Sportv ou até mesmo fazer aluguer desse mesmo canal por 1 jogo ou X horas, da mesma forma que existe o Video Clube onde se paga para ver 1 filme! as pessoas nem se importariam de pagar para ver. Agora pagar 30€/mês a mais….. junto com uma factura tipica de TV/Internet/Tlf são perto de 80€ mensais.. estão loucos!

    E ainda por cima dão um prato cheio onde nem metade somos capaz de comer! e pagamos na mesma.

    Preocupam-se muito com a pirataria dos live streams, no entanto não se preocupam com a “pirataria” que todos os dias fazem ao nosso bolso!

    Faz hoje 8 dias que liguei a reclamar para uma dada empresa da área por me terem cobrado 119€ a mais numa factura que já de si é gorda tudo por falta de informação por parte deles! isto sim é pirataria! Se não reclama-se tinha que os “arrotar” eles enviam a ver se cola! Reclamem sempre nem que seja por 1 cêntimo!

    Se o pais anda em crise qual é a primeira factura que elimina-mos? não vou deitar a baixo a luz nem a agua como é óbvio.

  3. Gonçalves diz:

    Infelizmente a indústria audiovisual acha-se demasiado importante e não olham a meios para encher os bolsos. Um bom exemplo são as bandas de música. Algumas bandas famosas até apoiam a livre distribuição dos seus trabalhos, mas as editoras…
    Além disso acho um completo absurdo uma factura de televisão ser mais cara que a de electricidade (diga-se de passagem que é bem mais essencial).
    Enquanto este panorama não mudar, dificilmente serei cliente.
    Venha o TDT e a televisão (quase) gratuita porque esta sim, acho que tem um preço justo.

    (Só para complementar: é aplicada uma taxa audiovisual na factura eléctrica, daí o ‘quase’ acima)

  4. Esses senhores só gostam é de falar e assustar! eles cortam ou colocam filtros na Internet e vão ver o pessoal a mudar de operadora.
    E agora deixo umas questões pertinentes…
    Se eles querem combater a pirataria, porque fazem pacotes de Internet com velocidades de 100 megas de Download? será que preciso de 100 megas para descarregar o meu email? será ou não o aliciar das pessoas para os downloads ?????….

    • Paulo, eu penso que nem é por aí porque a notícia fala em pirataria contra eles, ou seja a pirataria audiovisual relacionado com os canais de pagamento que devem estar a ser pirateados a torto e a direito…mas aproveitando o que alguém por aqui já disse, se vendessem os canais a preços mais acessíveis se calhar não tinham esse problema…

  5. e tudo uma cambada de chupistas..

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: