« Asus Eee Pad Transformer 2, a evolução continua… Microsoft Fix It Center, o centro de diagnóstico e correção essencial »
03/08/2011
Escrito por em Destaques | 2.336 Leituras

O problema da proliferação dos smartphones e dos seus sistemas operativos é que a proliferação de ameaças de vírus, spywares e malwares seja já uma realidade! Agora foi descoberto um spyware no Android que é capaz de gravar as nossas conversações e posteriormente enviá-las para um servidor remoto sem darmos conta. Os detalhes estão no vosso KeroDicas.com

Esta nova ameaça foi descoberta pelos peritos da CA Technologies que se depararam com este malware, o qual grava as conversasões do utilizador. A mesma empresa já se tinha deparado com malware que gravava os registos de chamadas efectuadas e recebidas e enviava posteriormente essa informação através da internet. No entanto, este malware é mais evoluído! A ameaça identificada gravaas conversações do utilizador  no cartão de memória com a extensão .amr. Após estes procedimento, o ficheiro é enviado pela internet sem que o utilizador dê conta (tirando nos consumo de internet) para um servidor remoto que, provavelmente, o criador desta nova ameaça terá acesso.

A evolução que esta ameaça demonstra perante os ataques anteriores é a possibilidade de gravação audio das conversas. As anteriores ameaças detectadas apenas registavam a data e duração de cada chamada, enviando posteriormente um ficheiro .txt com a informação retirada.

Este alerta serve para que o utilizador tenha uma maior consciencialização dos perigos que enfrenta no dia-a-dia nesta Guerra Tecnológica. Tendo isto em mente, é desejável que o utilizador não instale aplicações que não provenham de fontes fidedignas e que tenham atenção às permissões que algumas aplicações pedem.

A título de exemplo, não é espectável que uma aplicação de cálculo necessite de aceder à caixa de mensagens. 

Opiniões, posições e oposições –> Comments Section!!

Este artigo foi escrito por em 03 Ago, 2011, e está arquivado em Destaques, Notícias, Segurança. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
5 comentários em “Nova ameaça Spyware para Android grava conversações”
  1. No caso do Android, o utilizador instala um vírus porque assim quer. Como disseste, Gonçalo, e muito bem, não é esperado que uma calculadora solicite o acesso aos registos de chamada. Mas mesmo que solicite e o utilizador ache necessária essa aplicação, existe uma que permite revogar acessos considerados suspeitos, pelo que a ameaça, propriamente dita, apenas ataca se o utilizador consentir este mesmo ataque.
    Bom artigo. Continuação de um ótimo trabalho.

    • Obrigado pelas felicitações e pela dica no teu comentário!

      O problema dos vírus nos smartphones é que alguns vírus conseguem-se esconder nas aplicações tão bem, que passam pelo controlo inicial e vão para o Android Market ou até mesmo a App Store. A detecção destes vírus será feito numa fase posterior: a propagação e efeito do vírus no equipamento do utilizador.

      O medo da evolução dos vírus para smartphone é mesmo a esperteza/inteligência dos seus criadores que vão conseguir passar pelos controlos iniciais para entrada nos e-markets respectivos. Em termos do utilizador comum, até que nem haverá muito a descobrir e até a nossa informação pessoal (tirando a bancária) não terá muita utilidade para o infractor. Estou mais a imaginar o problema que poderá haver em termos de espionagem empresarial. O tipo de vírus mencionado no artigo faria o furor neste campo, não é?

      Assustador… mas é para onde caminhamos.

      Cumps

  2. Já era altura dos SO mobiles disporem de firewalls, coisa que ninguém quer falar, pois bloquearia muita da publicidade que e a principal fonte de rendimento das Apps. É claro que não é um software que evita a maior parte das catástrofes, mas sim o comportamento do utilizador, porém, alguma ajuda pró-activa era bem-vinda..

  3. euZinho, o Android tem um Firewall, só que precisa de acesso root ao equipamento.

    Trata-se do DroidWall e eu uso-o diariamente. Está disponível no Android Market.

    O problema não são as aplicações que pedem permissões não necessárias, o problema são as aplicações que precisam das permissões para o fim a que se destinam, mas também para servir de vírus. Exemplo disso são aplicações que gerem por exemplo e-mail. À partida temos que aceitar que uma aplicação dessas tenha acesso ao calendário, aos contactos, e à internet. Não podemos revogar nenhuma das permissões senão obviamente a aplicação não faz aquilo a que foi destinada. Mas pode fazer muito bem essa funcionalidade, pode até ser a melhor do mundo a gerir email, mas TAMBÉM pode estar a fazer de cavalo de troia… E como nos podemos prevenir quanto a isso se não sabemos o que no fundo, mesmo no fundo, a aplicação faz?

    De notar que isto é válido tanto para Android, como iOS, WP7 e até Linux, Windows e Mac…

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: