« Bill Gates sentou-se novamente no lugar dos réus! Auscultadores QuietComfort considerados como os melhores do ano! »

Mais de 70% dos professores, alunos e pais envolvidos no projecto-piloto Educational Netbook concordam que o uso de netbooks em actividades relacionadas com a escola tem um impacto positivo na motivação dos alunos na escola e no processo de aprendizagem. Este resultado faz parte da avaliação final da Acer-European Schoolnet Educational Netbook Pilot que olhou para a utilização de netbooks no ensino e aprendizagem e que envolveu 8 mil professores e alunos em seis países Europeus.

O objectivo do Netbook Pilot foi explorar como a introdução de netbooks e do ensino um-para-um (1:1) dentro e fora das escolas podia influenciar o ensino e a aprendizagem. De Janeiro de 2010 até Julho de 2011 um total de 240 turmas em seis países Europeus (França, Alemanha, Espanha, Itália, Turquia e Reino Unido) foram equipadas com netbooks.

O relatório final, baseado nas respostas de 735 professores, 3602 alunos e 2618 pais, destaca seis questões importantes na implementação de um ensino sistematicamente 1:1.

Em primeiro lugar, a capacidade dos netbooks para ampliar a motivação dos alunos e promover uma boa atmosfera na sala de aula e o ensino independente oferece valor acrescentado às escolas. O facto de os estudantes possuírem netbooks e poderem mantê-los depois das aulas oferece possibilidades que aumentam as oportunidades de aprendizagem e as actividades educacionais fora da escola.
Os netbooks também parecem funcionar como uma ponte que facilita o envolvimento dos pais na educação da sua criança. O ensino 1:1, quando é implementado como parte integrante da escola com uma visão sistemática de mudança pedagógica capacita e apoia os professores nas suas práticas na sala de aula.

Por outro lado, capacitar os professores pode também ajudar ao facilitar a mudança de professores e cooperação profissional tanto na escola como fora e ao oferecer-lhes bons exemplos de práticas tais como cenários de ensino 1:1.
Para terminar, ajudar na confiança dos professores ao integrar NTICs no ensino e aprendizagem é um dos fundamentos do sucesso do ensino 1:1 e da sua motivação para a mudança pedagógica.

O relatório completo foi publicado a 16 de Novembro de 2011 e lançado na conferência European Schoolnet’s EMINENT em Itália. “Os resultados de uma avaliação independente de grande-escala tal como o Netbook Pilot são do interesse de todas as partes interessadas na educação, especialmente para autoridades na educação como o Ministro da Educação”, disse Marc Durando, Executive Director of European Schoolnet.
A Acer e o European Schoolnet decidiram disponibilizar todos os dados não processados para a comunidade de investigação das pesquisas de professores, alunos e pais de uma forma anónima. Os dados serão distribuídos através do website dos netbooks sob a licença Creative Commons. Os organizadores do Netbook Pilot acreditam que este conjunto de dados pode servir a comunidade de investigação na educação noutras investigações e possíveis estudos comparativos, manifestando sempre a sua origem.

Baseado na implementação bem-sucedida e no feedback do piloto, a Acer e o European Schoolnet já planearam uma nova actividade na utilização de tablets Acer e projectores interactivos nas escolas. “A tecnologia é um recurso precioso na educação: o uso de tecnologia pode complementar e melhorar as metodologias aplicadas. A Acer quer desempenhar um papel activo na comunidade global de educação”, disse a propósito Federico Carozzi, Acer EMEA Educational Business Manager. O estudo dos tablets decorrerá nos próximos 12 meses em oito países Europeus e pode ser acompanhado no website dos netbooks (http://netbooks.eun.org).

Para mais informação sobre o Educational Netbook Pilot e para ler o relatório: www.netbooks.eun.org

Este artigo foi escrito por em 21 Nov, 2011, e está arquivado em Mundo, Notícias, Tecnologia. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
1 comentário em “Netbooks na escola: projecto-piloto revela benefícios para professores e alunos”
  1. Ainda bem que já não temos o Sócrates senão ainda vinha vangloriar-se para a tv a falar novamente do magalhães lol.

    Mas com o declínio dos netbooks, será que não se deve já mudar para os tablets? Não sei não… Mas de facto os que ainda falta aos tablets são programas de produtividade e as incompatibilidades entre Android e iOS podiam-se mostrar problemáticos.

    Cumps

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: