« aTube Catcher, transfira e converta os seus vídeos preferidos do Youtube Samsung volta “atacar” o iPhone com . . . »
23/01/2012
Escrito por em Mundo | 2.724 Leituras

megaupload_tribunal

Os autores do site MegaUpload que foram detidos na passada quinta-feira por suspeita de pirataria informática começaram hoje a ser ouvidos por um tribunal na Nova Zelândia.

A audiência aberta ao publico começou às 11h, sendo 22h de Domingo em Portugal, numa sala a arrebentar pelas “costuras”, devido ao elevado número de pessoas.

As autoridades norte-americanas pediram a extradição dos quatro acusados, mas cabe à justiça neozelandesa decidir, se por caso o pedido de extradição seja aceite os quatro podem ser acusados de crime organizado, branqueamento de dinheiro e violação da lei dos direitos de propriedade intelectual, pelos quais podem ser condenados a 50 anos na prisão.

Este artigo foi escrito por em 23 Jan, 2012, e está arquivado em Mundo, Notícias, Websites. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
9 comentários em “Detidos do caso MegaUpload ouvidos em Tribunal!”
  1. Outra palhaçada! 50 anos de prisão? Mais vale matar alguém,.

    A Nova Zelândia não os vai extraditar, ou pelo menos espero que não.

    A justiça num lado não existe, e no outro “existe” em demasia…

  2. Só o megaupload?, que tal começar a expandir um bocado os artigos :-P

    http://s3.amazonaws.com/data.tumblr.com/tumblr_ly8bwkEbOo1r3gvu8o1_1280.jpg

    • Freitas, nós tivemos acesso a essa informação, mas devido à falta de seriedade da mesma resolvemos publicar apenas a confirmação efectiva das várias fontes sobre as quais nos baseamos. Na imagem que envias, logo na segunda linha do Fileserve, aqui está a linha de venda premium para quem quiser: http://www.fileserve.com/premium.php – há inclusivamente uma promoção. essa imagem faz lembrar aqueles emails que correm pela net à MUITOS anos que dizem quanto mais reencaminhamos iremos ganhar uma carrada de euros da MS ou da DELL, etc….com isto remato e quero dizer: convém verifcar as fontes antes de publicar o que quer que seja….

    • Dave, uma coisa é deixar de vender premium como diz na imagem do Freitas outra coisa é violar o TOS (terms of service), são assuntos completamente distintos!!!!!!!! Parece que estamos a perder um pouco o rumo nestes comentários, mas tentarei esclarecer: este artigo dirige-se única e exclusivamente ao Megaupload. Obviamente que os vossos contributos na extensão da informação de outros servidores de arquivos que apresentam problemas/limitações são bem-vindos mas não se enquadram no objecto deste artigo.

  3. lol 50 anos. nem metade..
    e penso que os advogados tem materia para os defender, as leis da pirataria informatica nao sao claras como agua, explícitas, portanto os processos vao ser complexos.

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: