« VSO Downloader, transfira qualquer vídeo do YouTube! FreeFileSync, aprenda a comparar e sincronizar pastas no Windows »

Depois de toda a expectativa criada em torno do lançamento e apresentação do novo sistema operativo da Microsoft, o Windows 8, foi numa entrevista à CNN que o director de gestão de produto da multinacional, Chris Stevens, revelou a inviabilidade do novo Windows tendo em conta o panorama actual de exigências do mercado afirmando a possibilidade de ser transformando numa Win8Store como apoio ao Windows 7, deixando assim um público tão atónico quanto incrédulo.

A base da sua argumentação passa por explicar que “o Windows 8 teria de ser o sistema operativo dos sistemas operativos e neste momento a nossa mão de obra motriz não está a ser capaz de desenvolver um novo sistema que seja compatível a nível de retroactividade e possa ao mesmo tempo oferecer uma linha futurística no que toca ao desenvolvimento de aplicações”. E adianta “ao não conseguirmos os desenvolvimentos esperados, optamos por um lançamento de uma nova versão do Windows 7, a versão 2.0 com uma mega store online à semelhança da nossa concorrência, vulgo Apple.

O principal objectivo desta decisão passa pelo facto de não querer transformar o Windows 8 no fiasco que foi o Windows Vista, sendo preferível a mudança de rumo ao lançamento de um produto inacabado cheio de problemas e «dores de cabeça».

Pergunto: não será este um revés por parte da Microsoft que possa conduzir a situações catastróficas? Não seria melhor adiar o lançamento e tentar melhorar ou resolver os problemas com que se debate? Talvez agora seja caso para dizer: volta Bill, estás perdoado!

 

Este artigo foi escrito por em 01 Abr, 2012, e está arquivado em Mundo, Nacional, Notícias. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
3 comentários em “Windows 8 inviável comercialmente pode dar lugar à Win8Store, diz Microsoft”
  1. Hugo Santos diz:

    :) feliz dia das mentiras.

  2. 1 de abril

  3. Seveconfidential diz:

    acordei so agora mas …. 1º de ABril ó xenti ehehhehe

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: