« Sumatra PDF, um leitor de PDF super leve! Cavalheiros a tender para o insano: Paul Miller »
04/05/2012
Escrito por em Notícias | 3.510 Leituras

O Windows 8 de forma padrão não permitirá a leitura de DVD, com isto a Microsoft pretende que os utilizadores que precisem de ler DVD com o Windows 8 se vejam obrigados a comprar o serviço Media Center. Poderá também existir a alternativa de software de terceiros.

O Windows 8 de forma nativa, não suportará a leitura de  multimédia que esteja em formato DVD Vídeo. A Microsoft pretende assim que o utilizador adquira o Media Center para conseguir reproduzir estes conteúdos.

De acordo com uma notícia do blogue oficial Building Windows 8, a empresa explica que teria de pagar demasiado em royalties para suportar este formato e alega ainda que a televisão e o DVD no PC estão em queda.

A alternativa sugerida pela Microsoft é que o utilizador compre um add on específico para o Windows 8. Não se conhecem os preços, mas o blogue assegura que terá «um custo marginal».

Será que os utilizadores comprarão o serviço media center? Ou optarão por software de terceiros?

Este artigo foi escrito por em 04 Mai, 2012, e está arquivado em Notícias, Windows. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
5 comentários em “Windows 8 não permite a leitura de DVD!”
  1. João Vieira diz:

    Alterem “O Windows 8 por defeito” por “O Windows 8 por omissão”. É um erro usar «por defeito» no sentido de «por omissão», esquecendo que «default» em inglês significa «falta», «omissão» ou «negligência», o que nada tem a ver com «defeito».

    • Olá João, alterado. Optei pela forma nativa, assim não restam quaisquer dúvidas!

    • João, permita-me corrigi-lo, mas “por defeito” é realmente a forma mais correcta. E não estou a traduzir do inglês. O que acontece é que em português corrente interpretamos “defeito” como uma anomalia ou deficiência, mas indo à raíz da palavra, latim, “defectu” significa falta. Omitir é diferente de faltar. Traduzindo grosseiramente, o WIn8 tem em falta, ou seja por defeito, e não por omissão.

  2. theblackandredpenguin diz:

    Yay, com estas idiosincrasias do mundo proprietário, com as melhorias que o DE Unity está a verificar no Ubuntu e com o Linux Mint a destacar-se e a desenvolver o MATE e o Cinnamon, prevejo que o Windows 8 vai ser um bom incentivo para o aumento da adesão aos SOs open-source. :wink:

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: