« As primeiras imagens de F1 2010 Razer promete suporte para Mac a todos os seus próximos produtos »
11/03/2010
Escrito por em Novidades | 1.865 Leituras

Foi à quase um ano que falamos aqui desta nova plataforma que poderá a vir revolucionar (ou não) a maneira comovemos os jogos.

O serviço custará 14.99 dólares por mês, e permitirá jogar em modo local e online. Terá também demos, perfil de jogadores e lista de amigos. O presidente do OnLive, Steve Perlman, anunciou também que os já 25.000 utilizadores inscritos receberão 3 meses grátis do serviço.

O serviço será para já providenciado através do Windows e Mac, e apenas estará disponível para já nos EUA. Mais tarde será a famosa micro-consola a providenciar todo o serviço, directamente ligado a uma TV.

Não se sabe ainda o preço dos jogos, mas supõe-se que sejam mais baratos do que nas lojas. Já há apoiantes de peso como a Electronic Arts, Take-Two, THQ, Ubisoft, Epic, Atari, Codemasters, e Warner Bros. Para já apenas com os títulos para PC.

Qual a sua opinião acerca deste serviço?

Terá custos da micro-consola / custo mensal / custo dos jogos…. Será que compensa? A ver vamos a qualidade do serviço.


Este artigo foi escrito por em 11 Mar, 2010, e está arquivado em Novidades, Tecnologia. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
14 comentários em “OnLive será lançado a 17 de Junho”
  1. Tenho algumas reticências quanto ao funcionamento… ou a tecnologia é mesmo revolucionária ou vai ser só lag… ainda assim, o conceito é bastante interessante.

    • Eles pedem ligações acima de 1.5Mb… Penso que não será muito difícil.

      O vídeo de demonstração foi com Crysis a correr num MAC a 60 fps’s com boa fluidez…

  2. é tipo um steam… oh god!!!

  3. Acho que os sistemas Linux terão aqui uma boa oportunidade com este sistema online de jogos

  4. Jorge COsta diz:

    Boas.

    Isto não vai funcionar. Explico pq, é lógico que foram efectuados inúmeros testes pela parte da empresa para teste de linha devido a jogos serem carregados por stream.

    Há um ano desenvolvi uma plataforma que dava para jogar todos os jogos de um PC num browser.
    Tinha um pc servidor onde estava a correr o jogo e num cliente pelo browser conseguia controlar o jogo. O problema é os tempos, cada frame que sai tem que demorar um tempo certo se não nunca vai bater certo. Ou seja ando para frente mas só passado de 1 segundo é que andava e sendo assim sofria golos ou levava com um tiro xD

    Bem eu sei que é uma empresa como deve de ser n pessoas a trabalhar nisso mas digo-vos que isso vai dar barraca com 60% das certezas.

    A MEO já bloqueia de vez en quando só a ver Televisão com 24 megas (eu sei que estamos em PT) mas na america tb acontece dessas coisas.

    Foi só uma opinião, Abraço

    • Sim, mas estamos em evolução.
      O futuro passa pela fibra. TV HD, alta velocidade de download…baixo ping…

      Vê o caso do novo CRS-3 da Cisco. Lag vai ser coisa do passado.

    • tuning_xx diz:

      Este sistema usa novas tecnologias de streaming criadas por eles, e creio que a nível de vídeo não haja problema.
      Em relação há lag em si de tu carregares numa tecla e o jogo responder não creio que seja assim tanto, até porque hoje em dia jogas por exemplo FIFAOnline entre 2 players com fluidez. E pensa o que o jogo envia para o outro player? É a tua movimentação e enviar essa informação ou enviar um sinal de uma tecla não há grande diferença.

      (eu já testei FIFAOnline e funciona muito bem)

  5. João Morgado diz:

    Eu acredito que é nesta ideia que está o futuro. Caminhamos cada vez mais para um mundo da tecnologia em que tudo se faz na cloud e os jogos é só mais um passo lógico!
    Penso que os 14€ por mês não é muito caro dado que os jogos deverão sair mais baratos nesta plataforma que no resto do mercado. O seu preço equivale a uma ps3 ao fim de 2 anos (mais ou menos 20meses), mas há que ter em conta que os jogos da PS3 não são propriamente baratos… Esperemos que o preço dos jogos realmente corresponda ao anunciado!

  6. Falha a net, não há jogo para ninguém.

  7. José Gomes diz:

    O unico senão aqui que eu vejo neste “projecto” é os servidores deles que têm de ser potentissimos mesmo para correr os jogos de todos os jogadores sem lag e ainda fazerem stream em tempo real

    Isso é que eu tenho as minhas duvidas como eles vao arranjar lucro com servidores asssim

    • tuning_xx diz:

      Potentissímos nos dias que correm não é difícil até porque os recursos dos jogos podem ser partilhados entre users, por exemplo as texturas só são carregas uma vez na memória e em todos os cálculos para os vários utilizadores são os mesmos recursos.

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: