« Nintendo 3DS chegou às lojas… mas qual N3DS? Hacker que colocou pornografia num outdoor conhece a pena de prisão »
28/03/2011
Escrito por em Mundo | 1.780 Leituras

As lutas titânicas entre indústrias cinematográficas e sites de distribuição ilegal de filmes sempre marcaram a pauta desde a vulgarização das descargas em massa e do acesso da Internet de banda larga. Por outro lado, a própria indústria “hollywoodesca” sempre se resistiu em adoptar a Internet como meio de distribuição dos seus conteúdos, tendo antes optado, na maioria dos casos, pelos mega-processos judiciais que em muitos casos não levam a lado nenhum. Mas ao que parece, as coisas estão a tomar um novo rumo e exemplo disso é Sony Pictures, que aparenta estar a estudar a possibilidade de preços mais baixos para downloads de filmes via Internet.

As primeiras experiências foram levadas a cabo na semana passada via iTunes e Amazon com a venda de 2 títulos onde o preço do download era aproximadamente 13% mais barato que o preço do DVD. Esta nova política chega após uma rápida análise do mercado, que se fez sentir num aumento dos downloads legais em 16% e uma quebra das vendas no suporte físico durante o ano 2010.

Com esta notícia chega uma verdadeira lufada de ar fresco no que toca a alternativas de acesso massivo via net aos filmes, desde que, na minha opinião, seja suportada por preços exequíveis e adaptados a cada mercado. No entanto, deixo a questão no ar, se a Sony foi a primeira, quem será a próxima distribuidora a abrir os olhos?

Este artigo foi escrito por em 28 Mar, 2011, e está arquivado em Mundo, Notícias, Websites. Siga quaisquer respostas a este artigo através do RSS 2.0. Você pode deixar uma resposta ou fazer um trackback do seu próprio site.

Todo e qualquer texto publicado (posts e/ou comentários) na Internet através deste sistema não reflecte, necessariamente, a opinião deste blog ou do(s) seu(s) autor(es). Os utilizadores que optarem por escrever um comentário no campo apropriado para tal comprometem-se, por sua vez, a não transmitir ou divulgar ameaças, pornografia infantil, material racista, textos que sejam ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou viole a legislação em vigor no país. +Informações na página de Termos & Condições de Utilização.

Artigos Relacionados
9 comentários em “Sony considera hipótese de downloads de filmes a preço mais barato”
  1. Quem vai sofrer? Os cinemas!!!

    A visão até parece romântica mas não é. Com os preços do cinema a subirem, os preços dos filmes de venda para consumo em casa a baixarem… os preços vão se encontrar a meio do caminho… até devem trocar um beijinho maroto entre eles lol.

    Com os preços praticas nas TVs HD e 3D e com os custos de um home cinema em casa baixos… o cinema está a passar e vai continuar a passar por um mau bocado. A excitação de ver o filme pela primeira vez no cinema ainda é alguma… mas com politicas destas da Sony – que concordo – o cinema vai ter de fazer muito mais para não entrar em decadência meteórica.

    Cumps

    • mas se calhar a ideia é essa mesmo, pois pensemos de forma financeira simples: onde é que a Sony e outras distribuidoras ganham mais dinheiro? é na venda através dos cinemas e outros revendedores ou é vendendo directamente?

      • Er… Em termos de lucro de filmes e sucesso de “bilheteira” apenas contabilizam o sucesso nos cinemas. Não contabilizam as vendas de DVDs, etc… certo?

        A Sony para além da distribuição de venda directa também ganha no cinema, visto que ela têm ramos ligados directamente à indústria cinematográfica né?

        Mas por mim… que baixe os preços à força toda :D

        Cumps

        • Gonçalo, por muito boa que seja a TV de casa e o equipamento home cinema, ou inclusive um projector, a experiência vivida no cinema não é de maneira nenhuma reproduzível em ambiente doméstico, pelo menos é esta a minha opinião.

          Mas olha que a solução para os cinemas passa também pela descida de preços, não só dos bilhetes mas também do que lá se consome, metem a pala ao pessoal à força toda, bilhete+bebida+pipocas+gomas= uma pipa de massa. LOL!!!

          Abraço. :)

          • Caríssimo Pedro,

            Ainda bem que estamos de acordo quanto ao preço absurdo do combo bilhete+bebida+pipocas+gomas… quase que dá para dar a entrada para um T3 em Lisbon não? lol.

            Mas quanto à experiência em casa… a 99% de certeza que é capaz de ser bastante superior que no cinema (a vivência do filme em si, não o ambiente de pessoas e acto de ir ao cinema que acrescenta um carácter único incapaz de ser reproduzível em casa), caso o sistema esteja montado como deve ser. Onde se ganha mais no sistema Home Cinema é mesmo no som. O som do cinema é bom, mas perde grande qualidade da experiência do mesmo por ter de ser montado para uma grande plateia e em diferentes lugares do cinema. Assim, os melhores lugares no cinema são a meio-meio… apesar de muita malta jovem pensar que é a última fila do cinema… er…. er… mas acho que não é pelo filme em si lol.

            Agora no sistema em casa, o Som pode ser montado tendo em conta o espaço onde vai estar sentado o espectador… com umas boas colunas (por exemplo umas Boose), amplificador etc… UI… mete o som do cinema no bolso! Vê um bom filme de acção ou de guerra num sistema destes e quase que é necessário o uso de fraldas lool.

            Cumps

  2. Vamos ver se é verdade.

  3. Evidentemente a solução para acabar com a pirataria é baixar os preços, só espero que os restantes sigam o exemplo.

    Abraço. :)

  4. A sony quer ganhar em todas a frentes, como todas as grandes empresas; produz filmes, distribui, vende DVDs virgem, penso que ainda vende gravadores, etc.

    Compete-nos a nós, consumidores, não nos deixarmos enganar e fazermos as escolhas certas. Se a malta das pipocas vivesse à minha custa estavam bem tramados :-)

Deixe o seu comentário

(obrigatório)

(obrigatório e não será publicado)



:wink: :-| :-x :twisted: :) 8-O :( :roll: :-P :oops: :-o :mrgreen: :lol: :idea: :-D :evil: :cry: 8) :arrow: :-? :?: :!: