Artigos com a tag KDE

Já falamos aqui acerca de uma possível solução para escutar as suas rádios preferidas (e não só!) no seu sistema Linux, mas hoje apresento uma alternativa, destinada especificamente a utilizadores do reprodutor de música Amarok (leitor de música por excelência do ambiente KDE, mas também facilmente instalável em GNOME e, mas já com algumas mágicas envolvidas, em Windows e OSX). Apesar de estar limitada ao Amarok, esta é sem dúvida a mais elegante, completa e simples solução. Ouvir rádios portuguesas através do Amarok passa agora a ser, nas sábias palavras de Sir Arthur Conan Doyle, impersonado por Sherlock Holmes, “elementar, meu caro Watson, elementar”.

AmaroK é considerado por muitos utilizadores de Linux, o melhor leitor de música que existe na actualidade. AmaroK utiliza o toolkit Qt4, permitindo que, num futuro próximo, chegue também aos PC’s com Windows e Mac.

Para “pequenos” e simples trabalhos. É o que se pode dizer desta aplicação desenvolvida para KDE e que tem como função a edição, criação e exportação de ícones

KIconEdit Save Window

Simples e bastante completo este editor de icones exporta para a maioria dos formatos existentes

26/07/2010
Escrito por em Downloads, Sistemas Operativos, Software | LIDO 52 vezes


Umas das questões porque existe muita gente a gostar de Linux é o facto de os utilizadores poderem experimentar de forma gratuita as mais diversas distribuições Linux disponíveis, mas o que acontece é  que uma “simples” escolha errada da distribuição possa prejudicar a “visão” do utilizador em relação aos sistemas operativos Linux. O reverso da medalha também acontece, grupo ao qual pessoalmente identifico o novo Linux Mint 9, aqui com ambiente KDE.

Baseado no Kubuntu 10.04 Lucid Lynx, Linux 2.6.32, KDE 4.4.4, Xorg 7.5 e Amarok 2.3.0, esta versão traz consigo várias melhorias e os últimos programas do mundo Open Source.

Tags: , , ,

kduxp-01-kerodicas

Muito embora o Windows XP esteja a perder força no mercado após o lançamento do Windows 7, a verdade é que se tratou de uma das melhores versões do sistema operativo Windows da Microsoft. Também é certo que muitos utilizadores não tencionam abandonar o XP tão depressa, por isso pode ser interessante conhecer o KDuXP. Este sistema operativo é um Remaster Baseado no Ubuntu, de origem brasileira, que possui vários recursos pré-instalados para facilitar tanto o dia-a-dia do utilizador como a assimilação com o que já conhecem num ambiente de trabalho visualmente parecido ao Desktop do Windows XP.

É simples, é fácil e é como se do Windows XP se tratasse (ou quase isso…).

Umas das questões porque existe muita gente a gostar de Linux é o facto de os utilizadores poderem experimentar de forma gratuita as mais diversas distribuições Linux disponíveis, mas o que acontece é  que uma “simples” escolha errada da distribuição possa prejudicar a “visão” do utilizador em relação aos sistemas operativos Linux. O reverso da medalha também acontece, grupo ao qual pessoalmente identifico o novo Linux Mint 8, agora disponível com o ambiente gráfico KDE.

Existem imensas maneiras diferentes para ajustarmos o som no nosso sistema. Desde atalhos de teclado, reguladores físicos até ao típico ajuste pelo ícone do som, o Linux e todos os outros sistemas operativos permitem esse controlo. Mas, há coisas fantásticas, não há? e queria aqui partilhar uma simples, rapidíssima mas bastante útil dica para controlarem o volume. Funciona tanto em Gnome como em KDE, e pode  muito bem passar a ser a sua forma predilecta de controlar o volume.

O Kubuntu é uma sóbria distribuição baseada no sistema operativo Ubuntu, mas ao invés de utilizar a interface Gnome, utiliza a KDE e os programas feitos para KDE, como o navegador Konqueror, Kontact, e também o Amarok.

Obviamente que o sistema operativo vêm acompanhado de bastantes ferramentas e, certamente, irá surpreender os seus utilizadores pela positiva.

123